FOLHETOS DE CORDEL, UMA PRÁTICA EDUCATIVA QUE MOTIVA DIÁLOGOS INTERCULTURAIS

Neste artigo objetivamos mostrar o cordel como construtor de visões de mundo e decultura, que tem um potencial educativo, visto que, além do papel social e cultural queexerce, através dele, aprende-se e se ensina. Através do cordel, é possível educar. Dessaforma, como educação e cultura se constitue...

Descripción completa

Detalles Bibliográficos
Autor principal: Araújo, Patrícia Cristina de Aragão
Formato: Artículo publishedVersion
Lenguaje:Portugués
Publicado: Revista HISTEDBR On-Line 2012
Materias:
Acceso en línea:https://www.fe.unicamp.br/revistas/ged/histedbr/article/view/4028
http://biblioteca.clacso.edu.ar/gsdl/cgi-bin/library.cgi?a=d&c=br/br-049&d=article4028oai
Aporte de:Red de Bibliotecas Virtuales de Ciencias Sociales (CLACSO) de Consejo Latinoamericano de Ciencias Sociales Ver origen
Descripción
Sumario:Neste artigo objetivamos mostrar o cordel como construtor de visões de mundo e decultura, que tem um potencial educativo, visto que, além do papel social e cultural queexerce, através dele, aprende-se e se ensina. Através do cordel, é possível educar. Dessaforma, como educação e cultura se constituem elementos fundantes e essenciais para oentendimento da sociedade, o cordel participa desse processo, educando e contribuindopara a construção de conhecimentos a partir de diálogos interculturais.