Discurso Literário: Linguagem Intrinsecamente Diferenciada ou Texto Institucionalmente Determinado?

Este trabalho tem por objetivo analisar questões acerca do discurso literário, dando-se especial ênfase nas teorias que vêem o texto literário como linguagem intrinsecamente diferenciada e na teoria de Carlos Reis, que vê o discurso literário como texto institucionalmente determinado. Através da aná...

Descripción completa

Detalles Bibliográficos
Autor principal: Palma, Moacir Dalla
Formato: Artículo publishedVersion
Lenguaje:Portugués
Publicado: Programa de Pós-graduação em Letras 2016
Materias:
Acceso en línea:http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/terraroxa/article/view/24802
http://biblioteca.clacso.edu.ar/gsdl/cgi-bin/library.cgi?a=d&c=br/br-038&d=article24802oai
Aporte de:Red de Bibliotecas Virtuales de Ciencias Sociales (CLACSO) de Consejo Latinoamericano de Ciencias Sociales Ver origen
Descripción
Sumario:Este trabalho tem por objetivo analisar questões acerca do discurso literário, dando-se especial ênfase nas teorias que vêem o texto literário como linguagem intrinsecamente diferenciada e na teoria de Carlos Reis, que vê o discurso literário como texto institucionalmente determinado. Através da análise dessas duas vertentes de conceituação do discurso literário, comparando com a idéia de que a literatura constrói-se histórica e culturalmente, chega-se a conclusão de que ambas trazem uma colaboração válida para se entender o que é a literatura, percebe-se, entretanto, que apenas uma visão mais ampla pode levar ao entendimento do discurso literário. This paper aims to analyze the aspects of the literary discourse. Special emphasis is given to the theories which conceive the literary text as an intrinsically differentiated language and to Carlos Reis’ theory, who sees the literary discourse as an institutionally determined text. Through the analysis of those literary discourse conceptualization approaches, regarding the opinion that literature is formed historically and culturally, we concluded that both present an important perspective to understand what literature is; however, it is perceived that only a wider point of view can lead us to the comprehension of the literary discourse.